Domus Nostra: Um clube e uma Gala sempre a crescer!

Uma grande instituição se constrói em muitos pequenos detalhes. O Domus Nostra mostrou, mais uma vez, estar vivo e pronto a continuar na senda do crescimento…

Terceira Gala “Domus no Coração” reuniu mais de 300 pessoas no momento em que, no Estádio do Dragão, disputava-se um dos mais importantes encontros do futebol português. Esta é uma prova inequívoca da pujança de um clube cujo Destino parece estar traçado, sempre sob muitas mãos que sabem levá-lo a bom porto.

As presenças de um Secretário de Estado, e de representantes da Associação de Futebol de Coimbra não foram obra do acaso. São o reflexo de que os alicerces construídos há 46 anos geraram uma comunidade desportiva que cresce a olhos vistos, que dá cartas a nível regional e que representa muito bem a pequena aldeia de Portomar e o pequeno Concelho de Mira em todos os locais do país por onde tem passado e deixado bons amigos.

Gente como esta existe em muitos cantos do território: abnegada, imbuída dos valores mais nobres do desporto e da civilidade. Gente como estes Ultras são o que de mais nobre existe em desportos, desde onde exista uma bola, até onde haja apenas uma cana de pesca. São pessoas como as deste clube que procura se impor a cada dia, que mostram que o verdadeiro desporto não acontece em quezílias fabricadas, em gritarias desmedidas, em nome de uma audiência qualquer. O Domus Nostra e tantos outros clubes portugueses vão demonstrando que a bola deve correr mais que as tintas dos jornais e os jogadores são mais importantes que muitos dirigentes que deveriam ser consideradas personas non grata, pelo trabalho nefasto que produzem durante uma época… sempre que a época volta a se iniciar!

Se o Domus Nostra apresentou o projeto Cabanão 5.0, numa alusão direta ao que pretende concretizar no momento em que comemorar 50 anos de vida, foi porque a sua diretoria, os seus adeptos e toda a sociedade local acreditam num futuro risonho, onde os obstáculos possam dar lugar às realizações. E foi esta gente sem medo de sonhar e de enfrentar as dificuldades, que lançou o olhar aos próximos quatro anos sem deixar de rever o ano de 2019 com nostalgia, galardoando aqueles que, na sua ótica, mereceram ser destacados.

Como foi dito,“felizmente é difícil escolher os vencedores”, mas eles foram apresentados e tremendamente ovacionados por todos, incluindo os que não venceram. Quem precisa de maior prova da vitalidade de uma Associação, quando todos – sem exceção – acabam por ser vencedores, mesmo não levantando o prémio?

VENCEDORES DA NOITE:

Menção Honrosa Carreira: Nuno Dias, treinador do SC Portugal, representado pelo seu pai, na ocasião;

Menção Honrosa Carreira: João Paulo Ribeiro, Secretário de Estado;

Atleta Revelação do Ano: Cristiano Miranda;

Guarda Redes do Ano: Marlene Patusco;

Equipa do Ano: Juvenis;

Atleta Jovem do Ano: Rodrigo Preguiça;

Atleta do Ano: Miguel Zagalo;

Projeto do Ano: Studio 11;

Treinador do Ano: Emanuel Inácio;

Ultra do Ano: Pedro Miguel Gordo;

Diretor do Ano: Carlos Nunes;

“Domus Por Toda a Parte”: João André Maranhão;

Menção Honrosa Dedicação: Cláudio Cruz;

Menção Honrosa Homenagem: Joaquim Bonifácio (Polibras);

Menção Honrosa Glória – Vintage: Francisco Gonçalves (Xico, ex-atleta)

Este slideshow necessita de JavaScript.

Francisco Ferra / Jornal Mira Online