Madrid decidiu intervir na Catalunha por “desobediência rebelde, sistemática e consciente”

O Conselho de Ministros espanhol decidiu hoje em reunião extraordinária em Madrid intervir diretamente na autonomia da Catalunha por “desobediência rebelde, sistemática e consciente” do Governo regional (Generalitat). O primeiro-ministro, Mariano Rajoy, iniciou às 13:25 (12:25 em Lisboa) uma conferência de imprensa para apresentar as medidas concretas para repor a legalidade na região. A decisão…

Catalunha: Governo espanhol e PSOE acordam eleições autonómicas em Janeiro

O Governo espanhol e o principal partido da oposição (PSOE) acordaram convocar eleições autonómicas na Catalunha em janeiro, confirmou hoje à TVE a secretária da Igualdade dos socialistas, Carmen Calvo. Segundo a página eletrónica da TVE, Calvo foi questionada sobre a veracidade da notícia do diario.es, que avança com essa possibilidade, e respondeu que “sim”,…

Puigdemont ameaça votar a independência se Madrid suspender autonomia da Catalunha

O presidente do Governo catalão insistiu hoje que “a suspensão [da declaração de independência] continua em vigor”, mas ameaça votar formalmente essa independência no parlamento regional se Madrid avançar com a suspensão da autonomia regional. “Se o governo do Estado insistir em impedir o diálogo e continuar a repressão, o Parlamento da Catalunha poderá proceder,…

Tribunal Constitucional considera nula em definitivo lei que sustentou referendo na Catalunha

O Tribunal Constitucional espanhol considerou hoje nula, por ser inconstitucional, a lei do referendo sobre a independência na Catalunha, que fora suspensa provisoriamente em 07 de setembro e fica sem qualquer legitimidade com esta decisão. A posição do TC, adotada por unanimidade, aceita o recurso apresentado por parte do Governo espanhol contra a norma adotada…

Agora é Israel. Também vai sair UNESCO

Israel anuncia saída da UNESCO, depois dos EUA Israel anunciou hoje que vai sair da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), depois de os Estados Unidos terem decidido o mesmo, condenando o que dizem ser o preconceito anti-israelita. “A UNESCO tornou-se um teatro do absurdo, onde se deforma…