Biblioteca Municipal de Cantanhede acolheu “Encontro com… Luísa Sousa”

Mais de 65 participantes assistiram ao “Encontro com… Luísa Sousa”, que decorreu no auditório da Biblioteca Municipal de Cantanhede, no passado dia 3 de outubro.

A escritora para além de peregrina a Santiago de Compostela, é também autora da publicação “Um caminho para Todos: Diário de uma peregrina no Caminho de Santiago”, aproveitou para partilhar com todos os presentes. as suas experiências como peregrina dos Caminhos de Santiago, das quais resultou a publicação

Na iniciativa, inserido no projeto “Tardes Comunitárias: Dar + Vida aos Anos”, a oradora destacou que “quando se vive algo tão profundo e transformador na nossa vida, partilhar essa experiência com os demais torna-se uma necessidade, foi por isso, que depois de ter percorrido alguns dos Caminhos de Santiago (Português, Francês, Via de la Plata e Sanabrês), criei um blog com informações úteis para outros peregrinos e testemunhos das vivências pessoais, que posteriormente, fruto dessas vivências se tornou livro”. A autora continuou afirmando que “o testemunho da minha visão dos acontecimentos com a certeza de que se o relato for realizado por algum dos meus companheiros de viagem, coexistirão histórias com versões diversas. Afinal, são tantos os Caminhos quanto o número de peregrinos que os percorrem”.

Para Luísa Sousa este livro é onde “partilho o bom e o menos bom, as alegrias, os receios, as dificuldades e os presentes inesperados, sem romancear os factos. Se decido partilhar as minhas vivências, tem como único objectivo testemunhar de que este pode ser, verdadeiramente, UM CAMINHO PARA TODOS! (…)”.

Sobre Luísa Sousa

Luísa Sousa é natural da Madeira, Funchal e tem 35 anos. Estudou na Universidade do Porto e licenciou-se em Ciências Sociais – Política Social, na Universidade Aberta.

Não é especialista em nada, mas considera-se uma “fazedora de coisas”. Não terminou o mestrado, mas isso deu-lhe as ferramentas necessárias para escrever um livro (baseado na sua experiência enquanto peregrina no Caminho de Santiago).

Luísa Sousa faz artesanato, voluntariado e trabalha na área comercial. É dotada em ter, no que ela própria denomina, “ideias de jerico” e que a ajudam a desafiar os seus medos mais recônditos.

Enquanto peregrina, Luísa Sousa percorreu quatro vezes o Caminho de Santiago: duas vezes o Caminho Português, Caminho Francês e Via de la Plata+Caminho Sanabrês. Em 2011 criou o blog “Um Caminho para Todos” para partilhar experiências e informações sobre o Caminho de Santiago. Em 2016 surgiu o livro com o mesmo título. Em 2017 foi oradora no TEDxFunchal.

 Em Tardes Comunitárias

Nesse âmbito, todas as quartas-feiras, entre as 14h30 e as 17h30, irão decorrer ações que podem incidir em exercícios de ginástica e outros desportos ou em debates em torno de matérias tão diversificadas como a saúde e segurança, literatura, artes plásticas, turismo e a proteção civil, entre outras, nalguns casos a partir da análise de documentos ou da projeção de filmes. Por outro lado, estão previstas atividades de acentuada componente lúdica, como visitas guiadas, debates literários, ou apenas convívio social ativo.

Os interessados podem comparecer livremente à primeira edição, durante a qual devem formalizar a sua inscrição, o que é possível fazer também na Casa Francisco Pinto, na Rua António José de Almeida nº 3, em Cantanhede, ou através do tlf. 231 410 123 e do e-mail tardescomunitarias@cm-cantanhede.pt.

O programa terá, assim, uma componente didática e formativa destinada a estimular o interesse de quem dispõe de tempo mas que geralmente dispõe de grandes oportunidades de ocupação a esse nível.

Na prática, o que se pretende é “Dar Mais Vida aos Anos” proporcionando oportunidades de valorização e realização pessoal para um público com mais de 55 anos e percursos de vida diversificados, através de encontros em que é dada também a possibilidade de partilharem a sua experiência e saber com outras pessoas.